Iniciativas APCC

Congresso APCC 2018 - Universidade Católica, Lisboa

11/05/2018 - “Sol e Pele: Saber conviver; No dia a dia e nas Férias...No trabalho e no Desporto”
»Ação de formação para representantes de Autarquias, Federações Desportivas, Profissões ao ar livre, Instituto de Socorros a Náufragos e Polícia Marítima

12/05/2018 - “Sol e Pele: Saber conviver; Sol, Pele e Cancro Cutâneo em 2018”
»Ação de formação para Educadores, Professores, Enfermeiros e Farmacêuticos, durante a manhã
»Dirigido a Dermatologistas, Oncologistas, Médicos de família, Pediatras, Médicos do Trabalho e do Desporto, de tarde

Congresso_APCC_2018_1.JPGCongresso_APCC_2018_2.JPGCongresso_APCC_2018_3.JPGCongresso_APCC_2018_4.JPGCongresso_APCC_2018_5.JPG

30º Aniversário do Protocolo de Montreal

A 16 de Setembro de 2017, celebra-se o 30º aniversário do Protocolo de Montreal para a proteção da camada de ozono. Já se observam resultados positivos. Para mais informações consulte o link:

https://www.facebook.com/dra.ipma.pt/photos/a.571539776204358.1073741826.543660158992320/1901679053190417/?type=3&theater
 
 
 

Evento em Vilamoura - 15 Julho 2017

A Associação Portuguesa de Cancro Cutâneo (APCC), com o apoio da Sociedade Portuguesa de Dermatologia (SPDV) e a Direção Geral da Saúde (DGS) promoveu no passado dia 15 de Julho na Praia da Falésia, em Vilamoura mais uma iniciativa de sensibilização para os cuidados a ter com o Sol.
Estiveram presentes vários dermatologistas da APCC, ex atletas como a campeã olímpica Rosa Mota e mais de 30 voluntários que ensinaram os veraneantes a fazer o auto exame da pele com um espelho e um telemóvel.
A escolha da melhora hora de exposição solar (quando a nossa sombra é maior do que nós próprios), a procura do inicio e final do dia, a exposição gradual ao Sol, para evitar as queimaduras e alergias solares, o indispensável uso do chapéu de modo a que proteja o couro cabeludo, orelhas e face, o uso dos óculos escuros com proteção UVB e UVA, o uso adequado dos protetores solares, que deverão ser de proteção igual ou superior a 30 mas que deverão ter, idealmente, a consistência de creme ou leite, pois aqueles muito fluidos frequentemente não permitem verdadeira eficácia anti UVB e anti UVA. O protetor solar, sobretudo quando com intenção de nos expormos na praia ou piscina, deverá ser aplicado cerca de 20 a 30 minutos antes e deverá ser renovado cerca de 1,5 a 2 horas depois ou após o banho mas não deverá servir para prolongar o tempo de exposição solar.

 

 

 

 

 

 

 

 

Ação Verão 2017

Pelo 14º ano consecutivo, a APCC tem a colaboração de mais de 115 autarquias, dispersas por todo o país, para a divulgação, sob a forma de cartazes, nomeadamente no formato de Muppies, de mensagens claras sobre os cuidados a ter com o Sol, a promoção de rastreio do Cancro da Pele e auto-exame e a sensibilização para que, na dúvida, se recorra ao médico de família, e sempre que necessário, ao dermatologista.

Este ano a mensagem "Só temos uma Pele para toda a vida" é bem elucidativa dos cuidados que deverá haver com o Auto-exame, diagnóstico precoce dos Cancros da Pele e a sensibilização para proteção solar adequada da pele e evitar a exposição exagerada aos raios UV.

Ao mesmo tempo, teremos 4 praias Portuguesas (Falésia em Vilamoura, Homem do Leme no Porto, S. jacinto em Aveiro e Praia da Figueirinha em Setúbal) com semáforos solares que permitirão aos veraneantes saber quais as horas perigosas e mais adequadas para a exposição solar.
Consulte a listagem de autarquias aderentes a esta iniciativa.

 

Autarquias 2017

 

Arouca.jpgCadaval.JPGPorto.JPGPovoa Varzim.JPGPraia da Figueirinha, Setúbal.jpgSetubal.jpgTomar.jpgVila do Bispo.JPG

No Mês passado Agosto 2019 No Mês próximo
D S T Q Q S S
31 1 2 3
32 4 5 6 7 8 9 10
33 11 12 13 14 15 16 17
34 18 19 20 21 22 23 24
35 25 26 27 28 29 30 31

Próximos eventos

  • Sem Eventos

Patrocínios Científicos

   

Apoios